Image Map

Press

Ready? Go. Read! Todo Dia

`
Ano: 2013
208 páginas
Editora Galera 
Autor: David Levithan

   Eu gosto bastante de histórias que envolvem anjos e seres espirituais assim, por isso fiquei bem curiosa para ler Todo Dia, do incrível David Levithan. No entanto, demorei anos para comprar o livro e mais alguns para fazer resenha. Ou seja, troféu vergonha para mim. 

"Se tem uma coisa que aprendi, é isso: todos nós queremos que tudo fique bem. Nem mesmo desejamos que as coisas sejam fantásticas, maravilhosas ou extraordinárias. Satisfeitos, aceitamos o bem, porque, na maior parte do tempo, bem é o suficiente."

   A é um ser que troca de corpo todos os dias. Ele nunca sabe em que parte do país vai parar, nem no sexo da pessoa, mas todos os dias ele rouba 24 horas de alguém. E ele está conformado com isso, afinal essa é a única vida que ele conhece, mas tudo muda quando ele esquece as próprias regras e interfere de verdade na vida do seu hospedeiro: ele se apaixona pela namorada do seu corpo emprestado. 

"A bondade tem a ver com quem você é, enquanto a gentileza tem a ver com o modo como quer ser visto."

   Rhiannon é uma garota frágil que merece atenção, porém passa despercebida por todos. A enxerga isso e deseja muito poder tê-la todos os dias e, mesmo sabendo que isso é impossível, ele tenta. Ele tenta e é assim que o livro se desenvolve; com A tentando entender seus sentimentos e procurando uma maneira de conseguir viver normalmente. 

"- Me diz um modo de fazer isso funcionar. 
- Nós vamos encontrar um jeito - respondo. 
- Isso não é uma resposta. É uma esperança. 
- A esperança nos trouxe até aqui. Não as respostas."

   Recentemente, David publicou o segundo livro, que mostra o ponto de vista de Rhiannon, no entanto o que eu quero mesmo é uma continuação, porque a ideia do livro pode até ser maluca, mas é boa. A honestidade do livro é dolorosa de verdade e é justamente por isso que merece ser lida por todos. 

O que achou? Louco demais?
28

28 comentários:

  1. Nossa eu achei a história bem louca mesmo, mas muito interessante! Que louco cada dia estar num corpo e ter uma vida diferente. Já imaginei esse livro virando filme hehe *-*
    Ah, fiz um post e citei seu blog ♥

    http://heyimwiththeband.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Louco, né? Também achei. E por isso que amei.
      Um filme desse livro seria demais.

      Excluir
  2. Poxaaaaa vida! Bem louca mesmo! Já quero ler *-*

    um beeijo bonitaa ♥

    E aí, Bonita!

    ResponderExcluir
  3. É uma boa historia, não me interesso, mas é ótimo para quem gosta do gênero!

    Beijos,
    BLOG JÉSSICA ALVES

    ResponderExcluir
  4. O livro parece ter uma história bem maluca sim, mas atraiu a minha atenção! Fiquei curiosa pra saber mais sobre esse possível romance!

    Beijos!
    Blog Bianca Schultz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um possível impossível romance, mas vale a pena ler.

      Excluir
  5. Já tinha ouvido falar desse livro, mas nunca li. Depois que vi sua resenha fiquei bem tentada a comprá-lo.
    Beijos

    http://luadefevereiro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Uau, que criativo! Tô surpresa e muito curiosa. Parece ser um livro meio reflexivo, com muitas ideias sobre a vida e aprendizado. E as citações são lindas. Já vai pra minha lista!

    Beijo,
    biaacarla.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um livro realmente reflexivo. Adoro o jeito como o autor comentou sobre taaantas coisas significativas e que dá pra levar pra vida, sabe?

      Excluir
  7. Acho que esse livro não faz muito o meu estilo, mas sempre vejo falarem muito bem dele.

    Beijinhos

    www.burguesinhas.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?
    Sou totalmente apaixonada por esse livro, acho a premissa louca e muito original. Não vejo a hora de poder ler a continuação, espero que a história não se perca.
    Beijos, http://lendocomabianca.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu estou louca pela continuação, mas será que vai acontecer mesmo? Fiquei curiosa demais.

      Excluir
  9. Oi, Bi! Acho que eu gostaria da temática sim, mas não consigo me adaptar à escrita do David Levithan! Só por esse detalhe acho que vou passar a leitura... Beijinhos

    www.chezb.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois sabe que eu também não gostei da escrita dele em outros livros (como em Will & Will), mas nesse foi completamente diferente.

      Excluir
  10. Minha amiga do trabalho leu, e amoou. Não faz muito meu estilo, mas fiquei com vontade hehe

    Beijos, Love is Colorful

    ResponderExcluir
  11. Sim, achei bem louco! rs. Mas pra quem gosta, não sou muito fã confesso, deve ser bem intrigante.

    rasgadojeans.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Eu nunca li nenhum livro que falasse de anjo ou ser espiritual.. No começo da resenha achei que não conhecia o livro, mas ao decorrer percebi que esse é o livro favorito de um colega meu e ele já me deu um spolier danado, fiquei com vontade de ler, parece ser uma leitura bem diferente das que eu geralmente tenho. :)
    http://corujasemasas.blogspot.com.br/
    Beijos! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai ai, esse povo que dá spoiler... não dá!
      Mas ó, o livro é bom mesmo. Vale a pena.

      Excluir
  13. Nunca li livros assim, achei bem interessante e intrigante a história, não faz muito o meu estilo, mas sempre é bom tentar coisa nova, né?
    Beijos,
    www.dosedeilusao.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É bom mesmo tentar algo novo, principalmente na literatura.

      Excluir
  14. Não li o livro, mas esse primeiro trecho é exatamente o que andei discutindo com um amigo meu. A gente sempre quer que tudo fique bem. É meu desejo, meu maior desejo ultimamente. Não ando nem desejando milagres e coisas fantásticas não. Só ficar bem e eu ja fico satisfeita.
    Que fase...

    "Se tem uma coisa que aprendi, é isso: todos nós queremos que tudo fique bem. Nem mesmo desejamos que as coisas sejam fantásticas, maravilhosas ou extraordinárias. Satisfeitos, aceitamos o bem, porque, na maior parte do tempo, bem é o suficiente."
    (achei perfeito)

    www.expressopradois.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entendo o que você quer dizer, Carol. Eu adoro essa citação e me identifico bastante com ela também.

      Excluir

Image Map