Image Map

Press

18 casais que eu adoro: #14

`
   Sempre achei idiota o fato de que todas as meninas gordinhas nos seriados são a) engraçadas e solitárias ou b) motivo de pena. My Mad Fat Diary veio pra fazer história e dizer que seu peso não tem que ditar sua personalidade ou sua vida e é por isso que eu jamais deixaria esse casal aqui fora dessa lista.

   Número 14: Rae & Finn

   My Mad Fat Diary é um seriado britânico de três temporadas, baseado em fatos reais. Situado em 1990, a história de Rae é contada de uma maneira muito natural e tocante: obesa, aos 16 anos, ela saiu do hospital psiquiátrico e não sabe muito bem o que fazer da vida. A amiga que havia se afastado aparece sem querer, apresenta uma nova turma e traz novos problemas para a vida de Rae, assim como novos amores. 
   E é aí que aparece Finn. Eles não se deram bem no início, mas mesmo com as brigas e olhares feios, eu já torcia para os dois. 
    Finn é durão. Ele é do tipo de amigo que defende, que protege e que não sabe muito bem como demonstrar sentimentos, mas que dá certo com Rae. Ele se torna a paixão platônica dela (e minha) em pouco tempo e, por incrível que pareça, já no fim da primeira temporada as coisas dão certo para os dois. Claro que depois tudo desanda, mas tudo bem; ainda tem uns momentos fofos para contar história.
   Eu me identifico com a Rae. Meus pais não são separados, eu não fui me tratar em um hospital e tampouco tenho um namorado lindo como o Finn, mas eu entendo ela. Eu entendo as inseguranças, as dores, a vontade de sumir. Eu entendo que ela não entenda como Finn gosta dela; se fosse comigo, eu também não compreenderia. Não posso atirar pedras porque eu já falei milhares de vezes "você tá louca? É óbvio que ele não gosta de mim". Talvez essa seja mais uma razão para gostar dos dois como casal: porque eles vão contra a "regra".
   Foi vendo o Finn com a Rae que eu notei que tenho medo de ter um namorado bonito. E se falarem "por que ele tá com ela?". A Rae se sente assim também e, mesmo não tendo visto a terceira temporada ainda, imagino que esse lado dela vai mudar um pouco. Eles já estão na faculdade e o Finn vive fazendo coisas para que ela coloque na cabeça que ele a ama incondicionalmente e pelos motivos certos.    
   Ah, e outro motivo pra amar os dois é o gosto musical deles. Oasis toca seguido e isso acaba com meu coração.

Mas e aí, conhecia a série já? Gostou do casal?
12

12 comentários:

  1. eu não conhecia esse seriado mas pelo que eu li, acho que deve ser mt bom!
    o casal parece ser mt fofo!

    www.blogamorarosa.com

    ResponderExcluir
  2. Uma das melhores séries que eu já assisti: a história é incrível e também possui uma trilha sonora maravilhosa.
    Finn e Rae, obviamente, é um dos casais que eu adoro. Aliás, dizem que me pareço com o ator que deu vida ao personagem, Nico Mirallegro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, Gabriel; a série é muito boa mesmo.
      E sério que te comparam com o Nico? Ele é lindo!

      Excluir
  3. Que amor! ♥
    Não conhecia a série mas amei muito, e vc resenha muito bem! =)

    Blog do Sofá
    do Sofá

    ResponderExcluir
  4. Eu assisti The Royals por sua causa e agora vou começar a assistir My Mad Fat Diary porque esse casal parece muito fofo mesmo.

    Beijos,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gostei de saber que te influencio, de certa forma. Sei que vai gostar, Bi! Mas passa aqui pra contar o que achou, ok?

      Excluir
  5. Oi =)
    Não conhecia o seriado, me parece ser muito interessante.
    Quem sabe eu não sou uma chance pra ele HAHA

    Beijos de Luz,
    Marinah | Meu Doce Apartamento - Literatura, Culinária, Caseirices e muito amor!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que dê uma chance sim, Marina. A história é bem legal!

      Excluir
  6. Alem do MMFD ser a história da minha vida... O lance Rae e Finn para sempre será um sonho utopico da minha epoca de escola :/

    A Bela, não a Fera está passando por reforma, enquanto isso acesse
    | YOUTUBE |
    | FB Page A Bela, não a Fera|

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sonho utópico é uma boa definição mesmo!

      Excluir

Image Map