Image Map

Press

Play Two Times

`
   Alguns meses atrás, quando eu estava na cidade da luz, perto da Catedral de Notre-Dame, entrei em uma loja para comprar aqueles chaveiros da Torre Eiffel. O vendedor era indiano, e a loja tinha umas boas promoções, então acabei comprando várias coisas lá, mas o ponto era que saí de lá com uma dica de música. Enquanto eu e ele ríamos sobre minha amiga, que estava desesperada para que ele fizesse duas camisetas por vinte euros, enquanto elas eram trinta, nós começamos a conversar sobre música. Ele disse que eu tinha cara de quem gostava de Taylor Swift, e então eu confirmei; ele, então, disse que também gostava. Eu não lembro muito das suas feições, nem de seu nome, só me lembro que ele me deu seu telefone - um galaxy enorme, que eu mal sabia como segurar - e pediu que eu escutasse uma tal de Julia Stone. 
   No final da noite, eu saí de lá com uma papel, com o nome dela anotado, uma caneta repleta de "Paris" escrito nela (da qual eu perdi. Sim, sou inteligente) e com uma piadinha com o tal do vendedor. "Você só me deu essa caneta porque nós dois gostamos da Taylor Swift, não é?" perguntei pra ele, em um tom divertido. "É, você me pegou nessa" ele respondeu, com seu inglês de sotaque engraçado, e balançou a cabeça, negativamente. Acenei e fui embora feliz. Era minha última noite antes de voltar para o não tão adorável país ao qual vivo. 


(Big Jet Plane)


(For You)
0

0 comentários:

Postar um comentário

Image Map